ESCREVENDO UMA NOVA PÁGINA


Prª Odja e Pr. Wellington, eu gostaria de dirigir as palavras dessa pastoral especialmente a vocês, e também a Andrea e Alana.

Primeiro, para dizer-lhes (mais uma vez!) em nome de toda IBP, o quanto estamos felizes em tê-los entre nós novamente. Rubem Alves diz que “o amor se alimenta da saudade”. Esses quatro meses de saudade serviram para aumentar ainda mais o amor que toda a IBP sente por vocês. Portanto, sejam muito bem-vindos a esse lugar ao qual vocês têm dedicado os últimos 18 anos de suas vidas!

Desejamos de todo coração que esse tempo tenha sido singular na vida vocês, familiar e ministerialmente. Já são 18 anos à frente desta comunidade, e 18 anos não são 18 meses nem 18 dias. A intensidade da entrega de vocês à IBP é bastante notória. Por isso, esperamos que esses quatro meses tenham proporcionado o lazer e o descanso necessários para o revigorar de suas forças.

Também desejamos que a família de vocês tenha se fortalecido ainda mais nesse tempo. Todos sabem o quanto os compromissos ministeriais tomam tempo e energia, e o quanto isso às vezes interfere na vida familiar. Por isso, nosso desejo é que esse tempo sabático tenha fortalecido ainda mais os laços de amor que unem a família de vocês.

Obviamente, todos esperamos que esse tempo sabático tenha recarregado a paixão de vocês pelo Reino de Deus. Queremos continuar sendo essa comunidade que não se envergonha da pluralidade, não se cala diante das injustiças, nem deixa de pregar o Evangelho redentor de Jesus Cristo. Queremos seguir construindo uma comunidade ecumênica, plural, engajada e missionária. Por isso, que os corações de vocês, que já ardiam por isso tudo, voltem pegando fogo!

Comparando a história da IBP a um livro, nosso convite a vocês é para começarmos hoje a escrever uma nova página: cheia de amor, de justiça, de respeito, de alegria, de paz e de libertação. Que o Senhor nos use para escrever essa história. E que Seu nome seja glorificado por meio dela!

Pr. Paulo Nascimento

Postagens mais visitadas deste blog

SERMÃO DE NATAL (texto completo)